Páginas

segunda-feira, 2 de abril de 2018

Quando confiamos nas pessoas erradas!


2 Crônicas 25.5 a 13: “Amazias congregou a Judá e o pôs, segundo as suas famílias, sob chefes de mil e chefes de cem, por todo o Judá e Benjamim; contou-os de vinte anos para cima e achou trezentos mil escolhidos capazes de sair à guerra e manejar lança e escudo. 

Também tomou de Israel a soldo cem mil homens valentes por cem talentos de prata. Porém certo homem de Deus veio a ele, dizendo: Ó rei, não deixes ir contigo o exército de Israel; porque o SENHOR não é com Israel, isto é, com os filhos de Efraim.

Porém vai só, age e sê forte; do contrário, Deus te faria cair diante do inimigo, porque Deus tem força para ajudar e para fazer cair. Disse Amazias ao homem de Deus: Que se fará, pois, dos cem talentos de prata que dei às tropas de Israel? Respondeu-lhe o homem de Deus: Muito mais do que isso pode dar-te o SENHOR. 

Então, separou Amazias as tropas que lhe tinham vindo de Efraim para que voltassem para casa; pelo que muito se acendeu a ira deles contra Judá, e voltaram para casa ardendo em ira.

Animou-se Amazias e, conduzindo o seu povo, foi-se ao vale do Sal, onde feriu dez mil dos filhos de Seir. Também os filhos de Judá prenderam vivos dez mil e os trouxeram ao cimo de um penhasco, de onde os precipitaram, de modo que todos foram esmigalhados. 

Porém os homens das tropas que Amazias despedira, para que não fossem com ele à peleja, deram sobre as cidades de Judá, desde Samaria até Bete-Horom; feriram deles três mil e fizeram grande despojo.”

O rei Amazias tinha uma grande guerra para enfrentar contra os valentes de Seir, que formavam um grande e poderoso exército.

Apesar de ter a bênção de Deus, Amazias se deixou dominar pelo desespero e pela insegurança. Ele achava que precisava, humanamente, garantir-se. Então, em vez de se apoiar no Senhor e em Suas promessas, ele se apoiou nas riquezas que havia conquistado e depositou toda sua confiança nas pessoas erradas.

Em seu exército, ele possuía 300 mil homens habilitados. Por que tanta insegurança? Porque, querido internauta, o que ele enfrentaria era muito maior. Qual alternativa ele tinha? Contratar mais soldados. Ele investiu parte da prata que possuía recrutando mais 100 mil homens.

Depois que a negociação foi feita, um profeta o procurou e o alertou: “A bênção de Deus não está na grandiosidade do seu exército. Se eles forem ao campo de batalha, você perderá a guerra. Será uma grande desgraça!”. Ele, então, pensou no prejuízo que teve: “O que vou fazer com a prata que já investi?”.

Mas o profeta foi enfático: “Olha, mais Deus tem para te dar do que o inimigo tem para tirar! Confie no Senhor. Não leve para a batalha aqueles que o Senhor não abençoou. O teu prejuízo e a tua derrota serão maiores do que toda a prata que você investiu!”.

Sabe o que acontece quando você faz uma sociedade com quem não tem a bênção de Deus? Um grande prejuízo!

“Mas, Bispa, o que eu faço? Agora, a sociedade já está feita. Eu assinei o contrato sem consultar ao Senhor, sem buscar a bênção d’Ele!”.

Olha, sinceramente, é melhor perder agora do que, depois, ser completamente destruído! Foi essa a decisão que Amazias tomou. Obviamente, aqueles soldados contratados ficaram com muito ódio dele. Isso é a consequência da quebra de aliança. Mas ele entendeu que é melhor ter Deus como aliado!

O Senhor o ajudou e deu a ele uma vitória tremenda. Claro que Amazias sofreu retaliações. Aqueles soldados, além de levarem a prata de Amazias mataram três mil homens do exército dele.

Sabe, isso nos deixa uma grande lição. Todas as alianças que nós fazemos precipitadamente, ou por insegurança, por carência, por ganância, ou em nome de uma “amizade” podem nós levar para uma completa destruição.

Então, antes de se comprometer, busque uma direção do Senhor. Sabe qual foi a palavra do profeta para Amazias? Foi a seguinte: “Não se apoie em homens! Vá sozinho, porque a bênção de Deus está sobre você!”.

Às vezes, você acha que está se aliançando com seu melhor amigo, ou melhor amiga, mas, na verdade, está abrindo espaço para um grande roubo! Você está levando alguém que pode te levar à completa destruição. 

Se precisar ir sozinho, vá! Mas vá na força do Senhor! Vá debaixo de uma palavra! Vá debaixo de uma cobertura espiritual! Vá em jejum!

Deus tinha vitórias para Amazias, mas a insegurança dele o traiu. Aquele roubo não permitiu que ele pudesse desfrutar, na plenitude, a vitória que Senhor tinha preparado par ele.

Salmo 78.7 e 8: “... para que pusessem em Deus a sua confiança e não se esquecessem dos feitos de Deus, mas lhe observassem os mandamentos; e que não fossem, como seus pais, geração obstinada e rebelde, geração de coração inconstante, e cujo espírito não foi fiel a Deus.”

O que aconteceu com Amazias? Ele não tinha consciência de quem ele era para Deus. As nossas inseguranças, nossa baixa autoestima e nosso medo da solidão nos fazem pagar muito caro!

Por causa da baixa autoestima, muitas pessoas têm se associado, por exemplo, com os rebeldes do trabalho. Sabe o que acontece? Os rebeldes ficam, e seus seguidores são mandados embora. Tome cuidado, porque sua baixa autoestima pode fazer com que você se associe com aqueles que não valem nada, com aqueles que não fariam nada por você.

De repente, aquela pessoa que Deus tinha preparado para se associar com você, ao olhar as pessoas com quem você tem feito aliança, desista de investir em você.

Não faça mais escolhas precipitadas. Não faça mais escolhas motivas por promessas vazias. Não aborte mais as bênçãos que o Senhor tem para você!

Às vezes, para evitar pequenos prejuízos, comprometemos nossa vida inteira. Amazias teve prejuízos? Teve? Mas, se ele tivesse levado aqueles homens para a guerra, certamente, ele teria morrido, e todo o seu exército também. Seria um grande massacre!

Assuma sua posição de filho de Deus!

A sua baixa autoestima faz com que você se enxergue escravo, refém e derrotado! Peça para que o Senhor te mostre como Ele te enxerga! Sabe como Ele te enxerga? Como filho, amado e conquistador!

Desta forma, você só vai levar para o campo de batalha quem realmente pode te ajudar, e vai deixar de se aliançar com pessoas desleais, mentirosas e interesseiras! 

Busque, sempre, sempre e sempre, andar debaixo da direção do Senhor.


Pense nisso!