Páginas

terça-feira, 3 de dezembro de 2019

Até quando?



Romanos 8.17: “Ora, se somos filhos, somos também herdeiros, herdeiros de Deus e coerdeiros com Cristo; se com ele sofremos, também com ele seremos glorificados.”

Como você tem passado os dias maus? Como você tem enfrentado as injustiças e as calamidades?

Existem situações na nossa vida que somente uma intervenção divina pode solucioná-las. Mas, nós, muitas vezes, não ajudamos.

“Por que comigo, Senhor?”. Você acha mesmo que adianta fazer este tipo de pergunta?

Enquanto você estiver neste questionamento, você ficará distante de Deus.

“Como assim, Bispa? Eu me apegar a Deus? Como é que Ele permite que essas coisas aconteçam comigo?”.

Desta forma, você acaba brigando com o único que pode resolver e transformar a sua história. No final, você ficou com quem? Ficou só com o seu problema.

Hoje, eu quero te fazer uma pergunta: “O que mais está faltando acontecer para você se apegar a Deus? Qual outra perda que você precisa sofrer para se apegar a Deus? Qual desgraça ainda precisa acontecer para você se apegar a Deus?”.

Então, em nome de Jesus, hoje mesmo, você vai se reconciliar com o Senhor. Venha renascer em Cristo. Se com Ele sofremos, com Ele, também seremos glorificados. Comece, fazendo uma oração: “Senhor Jesus, eu não sei se o outro não merece estar bem; essa é a vida dele. Eu não quero mais ficar me comparando aos outros. Mas eu sei que eu preciso de um milagre na minha vida. Ensina-me a enfrentar esta adversidade. Ensina-me a ser uma pessoa melhor.”.

Humilhe-se na presença de Deus; Ele vai se compadecer e mudar a sua sorte. A sua autossuficiência não te levará a lugar nenhum. Você precisa e depende, sim, do Senhor! Não brigue mais com a solução!

Olhe para Deus e enxergue que aquele que enviou o seu único filho para te salvar está contigo. Se você buscá-lo, em espírito e em verdade, você o encontrará!

Romanos 8.32: “Aquele que não poupou o seu próprio Filho, antes, por todos nós o entregou, porventura, não nos dará graciosamente com ele todas as coisas?”

Deus, de maneira nenhuma, despreza um coração contrito e honesto.

Eu quero terminar este Pensamento dividindo minha experiência com você:

Quando a gente passa por um sofrimento, junto com Jesus, somos consolados, somos iluminados e recebemos um entendimento do céu sobre o porquê deste sofrimento. Este sofrimento se transforma em uma grande experiência com Deus. A experiência marca a gente de tal forma, que, mesmo na tempestade, a gente vai sendo conduzido pelo Senhor de forma abençoada. A gente sai do dia do sofrimento com uma nova vida, com novas perspectivas. Ficamos mais sensíveis, mais humanos...

Entregue este sofrimento nas mãos de Deus e peça para Ele te ensinar, te transformar, para que a glória do Senhor e o milagre possam se manifestar na tua vida!

Você tem um milagre para viver? Então, não se “embarace” mais nos problemas, nos questionamentos e nas incertezas; olhe para Jesus, apegue-se a Ele. Assim, você viverá além do que você sonhou ou imaginou.

Pense nisso!