Páginas

quinta-feira, 21 de junho de 2018

Foi bom esperar!


Gênesis 15. 1 a 6: “Depois destes acontecimentos, veio a palavra do SENHOR a Abrão, numa visão, e disse: Não temas, Abrão, eu sou o teu escudo, e teu galardão será sobremodo grande. Respondeu Abrão: SENHOR Deus, que me haverás de dar, se continuo sem filhos e o herdeiro da minha casa é o damasceno Eliézer? 

Disse mais Abrão: A mim não me concedeste descendência, e um servo nascido na minha casa será o meu herdeiro.

A isto respondeu logo o SENHOR, dizendo: Não será esse o teu herdeiro; mas aquele que será gerado de ti será o teu herdeiro. Então, conduziu-o até fora e disse: Olha para os céus e conta as estrelas, se é que o podes. E lhe disse: Será assim a tua posteridade. Ele creu no SENHOR, e isso lhe foi imputado para justiça.”

Eu sempre tenho o costume de falar sobre o poder da ressurreição, mas, desta vez, eu quero destacar a história de Abraão, também conhecido com “pai da fé”.

A sepultura de Abraão era sua própria casa. Ali, até então, estava enterrado o maior sonho dele: ter um filho com Sara, seu grande amor.

Por que Abraão pode ser considerado um exemplo de fé? Porque ele deu ouvidos a um Deus que ele não conhecia. Ele deu ouvidos ao Deus que os pais dele não serviam.

Para todos, poderia ser uma loucura, mas Abraão tinha convicção de que, mesmo estéril, Sara poderia dar a ele um filho.

Os anos passaram, e Deus continua reafirmando sua promessa... E Sara? Continuava estéril. Cada dia, humanamente falando, eles estavam mais distantes de realizar seu maior sonho. Eles já estavam avançados de idade. 

O desespero, então, bateu à porta: “E se Deus não me der um filho de Sara? A cada dia, vou ficando sem forças. Estou envelhecendo. Daqui a pouco, eu posso ficar infértil. E se Deus não realizar a promessa?”.

O Senhor disse a ele: “Não temas”. Abraão creu, e isso lhe foi imputado por justiça.

O Senhor é o nosso escudo. A recompensa pela sua perseverança virá!

Não conte mais seus problemas, conte as estrelas do céu. Saia desta sepultura e olhe para o alto. Olhe para a grandiosidade do teu Deus!

Assim como Abraão, creia! Tire os "e se" do seu vocabulário! Abraão, querido internauta, não só teve um filho, como foi pai de nações!

Eu não sei qual obra o Senhor realizará na sua vida. Mas eu tenho certeza de que será no tempo certo e do jeito certo! As promessas d´Ele não podem falhar. 

Vale a pena, sim, esperar no Senhor.


Pense nisso!