Páginas

quinta-feira, 3 de janeiro de 2019

Não se perca no meio de suas perdas!


Muitas pessoas acham que Deus é o maior culpado das desgraças que elas enfrentam. O grande erro delas é ignorar os intentos de Satanás.

2 Coríntios 2.11: “para que Satanás não alcance vantagem sobre nós, pois não lhe ignoramos os desígnios.”

O diabo vem para roubar, matar e destruir. Como você está no meio de uma guerra, você pode ser provocado e atacado. Na Bíblia, está escrito que somos sitiados pelo inimigo. Ele fica nos rodeando em busca de uma brecha ou de alguém a quem ele possa tragar! Então, presente atenção!

Não faça de Deus o culpado das suas calamidades! Não fique questionando: “Por que Deus permitiu isso?”; "O Senhor poderia ter evitado essa situação?". Poderia! Mas o propósito d’Ele é maior!

Ele enviou Jesus Cristo, seu único filho, para nos dar vitória. Ele nos protege de tal forma, que esse plano do inferno não prospera em nossas vidas!

Talvez, você pense: “Como esse plano do inferno não vai prosperar, se eu pedir meu emprego?”. Queridos, perder o emprego não é o pior! Ser enganado por um sócio não é o pior. Perder uma pessoa querida não é o pior!

Eu até vou escrever um livro sobre isso porque Deus tem me dado um consolo maravilho. 

Sabe, eu aprendi que o pior é perder a alegria de viver! O pior é você se tornar uma pessoa amarga! O pior é você se perder e se destruir nisso!

O plano do inferno, ao contrário do que as pessoas pensam, não é tirar o dinheiro, o casamento, o emprego, um filho... O plano do inferno é nos afastar de Deus e nos destruir por dentro!

Quando Satanás consegue fazer isso, viramos mortos-vivos! É como se ele roubasse nossa vida, em vida! Você deixa de ter sonhos, alegria e esperança! Tudo fica pesado e sem cor! De repente, você não quer mais viver. Sabe, é dessa forma que nós prosperamos a obra do inferno!

Ter perdido algo importante, ter dito um “até breve” para uma pessoa querida, não ter um sonho realizado... pode acontecer com todo mundo – com os bons e com os maus.

A diferença é que quem tem Jesus como Salvador não é vencido por nada disso! Quem renasceu de verdade vence a morte, vence a traição, vence a perda, vence a frustração e vence seus próprios erros! Vence e não fica naquele estado de “acusação eterna”! Vence a baixaria deste mundo e não se deixa contaminar!

Então, o que pode me proteger? Minha comunhão com Deus! Hoje, eu quero te desafiar a fazer, no mínimo, cinco minutos de oração por dia!

Levante as mãos para o céu e fale o que está no seu espírito: “Deus, eu quero colocar minha situação diante de Ti, porque eu tenho me esforçado, mas parece que nada dá certo! Parece que eu nunca vou sair do lugar! Senhor, eu sei que isso é uma obra do inferno para me paralisar, para me arrebentar, para me destruir, para acabar com minha alegria de viver. Só que eu estou vivo! Senhor, ajuda-me! O Senhor é vida! Ressuscita-me! Quero entregar minha vida em suas mãos! Ajuda-me a vencer essa situação. Dê-me o caminho, porque Jesus é o caminho!”.

No meio desta traição, existe um caminho! No meio deste funeral, existe um caminho! No meio deste abandono, existe um caminho! No meio deste desemprego, existe um caminho!

O Senhor te dará paz e alívio! Você vai sair desses momentos de oração restaurado e renovado! E, com o passar do tempo, você vai orando, louvando, lendo a Bíblia... Isso vai te fortalecer! Isso é comunhão com Deus! Você começa a ir à igreja e ouve a Palavra de Deus, que é a fonte da nossa fé! Essa fé vence o mundo!

De repente, sem perceber, você já superou tudo, porque é um processo natural!  Ainda que no começo seja difícil, o Espírito Santo vai te ensinar a viver de uma maneira diferente, a ter outras alegrias, a ter a motivação que vem do céu!

Ele vai devolver o brilho dos seus olhos e te dar alegria de viver! É hora de começar a ser amigo de Deus! É hora de ter comunhão com o Pai!


Na igreja, lendo a Bíblia, você vai receber a palavra que te livra daquilo que é mortal. Através da oração, do louvor e do voto, o Espirito Santo vai te ensinando e te capacitando para você ser mais que vencedor em tudo! 

Pense nisso!