Páginas

sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Uma alegria que não tem explicação


2 Coríntios 12.7  a 10: “E, para que não me ensoberbece com a grandeza das revelações, foi-me posto um espinho na carne mensageiro de Satanás, para me esbofetear, a fim de não me exalte.

Por causa disto, três vezes pedi ao Senhor que o afastasse de mim. Então, ele me disse: A minha graça te basta, porque o poder se aperfeiçoa na fraqueza. De boa vontade, pois, mais me gloriei nas fraquezas, para que sobre mim repouse o poder de Cristo.”

Hoje, eu quero falar sobre alegria! Você deve estar se perguntando: O que está passagem tem a ver com este tema?  Calma! Vou te explicar!

Você já viu algum bebê nascendo embreagafdo? Claro que não! A pessoa se torna um alcoólatra com o tempo. A curiosidade vira prazer, o prazer vira dependência, e a dependência se transforma em um vício. A pessoa bebe quando está triste, para afogar as magoas... Bebe quando está feliz, para comemorar... Bebe quando anoitece, para relaxar... Bebe quando amanhece, para bater ressaca!  Mas, no fundo, é uma fonte de alegria ilusória!

A alegria é um dom de Deus! A alegria que vem d´Ele não é algo natural! Ela não depende de artifícios, situações e recompensas para se manifestar! Quando estamos cheios do Espírito Santo, ela é constante!

O álcool traz reações e sensações. Não precisa ser muito inteligente para saber quando a pessoa está sob o efeito de bebidas alcoólicas. Ela fica atrapalhada, com os ânimos alterados, tem dificuldades de realizar determinadas atividades, e o seu hálito já denuncia!

Da mesma forma, quem está cheio do Espírito Santo têm reações, atitudes e características! São marcas que edificam, abençoam, contagiam, animam, e não causam constrangimentos. A alegria é uma delas!

Você fica alegre quando acorda, porque é mais um dia que o Senhor te deu... Você está alegre ao entardecer, porque Deus conduziu seus passos. Você fica alegre ao anoitecer, porque, mesmo que você tenha enfrentado dificuldades, o Senhor te conduziu em vitória, e você não perdeu a paz!

Você se alegra com as coisas boas, mesmo que sejam simples! Você fica feliz com as coisas ruins, porque a sua alegria está na salvação, na esperança que você tem no Senhor!

Nesta passagem que lemos no começo, Paulo fala sobre o espinho que ele tinha na carne! Um espinho é algo pequeno, mas incomoda, inflama e infecciona.

Paulo orou e clamou por três vezes, para que aquele espinho fosse retirado. Mas Deus foi bem claro: “Não adianta pedir. Eu não vou tirar este espinho, mas eu vou te dar poder, força e autoridade, a tal ponto que ele será insignificante! Você nem vai perceber que ele existe. Este espinho é um propósito que Eu tenho na sua vida!”.

Paulo poderia ficar arrogante com muita facilidade. Aquele espinho, de alguma forma, o limitava, para ele entender que Deus está acima de tudo. Todos os atributos que Paulo tinha foram concedidos pelo Senhor! Paulo dependia de Deus para tudo, e ele não podia se esquecer disso! A soberba poderia destruir seu ministério.

Por incrível que pareça, aquele espinho era uma prova de amor! Da mesma forma, o Senhor faz conosco! Essa luta, esse desafio, essa enfermidade e essa confusão têm um propósito superior! Deus não é déspota, Ele é um Pai de amor!

O amor d’Ele nos conserva e nos preserva! Quando Paulo entendeu isso, tudo ficou mais leve! Existem pessoas que se perdem por causa do dinheiro, por causa da aparência, se perdem na fama... Será que Deus não permitiu que você não alcançasse determinados patamares, porque Ele não te ama, ou por que Ele quer te preservar? Nada dessas coisas que eu acabei de citar são garantia de felicidade!

Aquele espinho era para que Paulo lembrasse que a graça do Senhor o bastava! Sabe o que é graça? É um favor imerecido, é viver o inesperado, é viver livramentos, é ter vitórias, mesmo no despreparo, é ter conquistas, antes inatingíveis... é viver o sobrenatural!

Depois daquela experiência, Paulo não foi mais o mesmo. O discurso dele mudou: “Está tudo certo, vou me alegrar nas tribulações e nas guerras, porque nada disso vai me deter ou me abater; a graça do Senhor está sobre mim... Tudo será efêmero perto da glória de Deus que se manifestará!”.

Eu sei bem o que é isso! Eu tenho essa alegria! Essa alegria resistente, insistente, persistente e permanente no meu espírito!

Se você está passando pelo dia da perda, da falência, do roubo, da enfermidade, da depressão, da injustiça... que você, assim como Paulo, entenda que é só um espinho! Existem pessoas que, mesmo estando cheias de platinas e pinos pelo corpo, não sentem dor. Existem pessoas que, mesmo sem possuir os membros inferiores, conseguem chegar mais longe do que qualquer outro ser humano. Nós temos tantos atletas paraolímpicos brasileiros que bateram recordes mundiais!

O dinheiro, sua condição social, familiar e física não te limitam, o que te limita são os seus afetos!

Esse espinho é para te lembrar que a grandeza vem do Senhor. Quando você faz d´Ele o Teu pastor, nada te faltará!

quarta-feira, 18 de janeiro de 2017

Não deixe que a ingratidão destrua o bem que você já fez!


Gênesis 13: 14 a 18 “Disse o SENHOR a Abrão, depois que Ló se separou dele: Ergue os olhos e olha desde onde estás para o norte, para o sul, para o oriente e para o ocidente;  porque toda essa terra que vês, eu ta darei, a ti e à tua descendência, para sempre. Farei a tua descendência como o pó da terra; de maneira que, se alguém puder contar o pó da terra, então se contará também a tua descendência.

Levanta-te, percorre essa terra no seu comprimento e na sua largura; porque eu ta darei.  E Abrão, mudando as suas tendas, foi habitar nos carvalhais de Manre, que estão junto a Hebrom; e levantou ali um altar ao SENHOR.”

Nós deveríamos estar mais preparados para a ingratidão. Já fomos advertidos, através da Palavra de Deus, que seria assim. 1 Timóteo 4 é um bom exemplo disso. Neste texto, está escrito que, nos últimos dias, os homens seriam egoístas, amantes de si mesmos e ingratos.

Abraão sofreu isso. Ló viveu tantas coisas boas ao lado dele. Casou, prosperou e recebeu ensinamentos de um homem que tinha uma relação verdadeira com Deus. Mas, de repente, a convivência se tornou insuportável. Ló, então, escolhe o lugar mais bonito e decidiu ir para lá!

É muito difícil passar por isso. Às vezes, vemos aquelas pessoas que ajudamos, que ensinamos, que investimos nosso templo, simplesmente, virarem as costas como se fossemos as piores pessoas do mundo.

Quem sabe você não está agindo da mesma forma ou, quem sabe, sentindo da mesma forma. Você amou aquela vida, orou, visitou, deu o seu melhor; e ela, simplesmente, diz que você não significou nada!

Parece que ela viveu tão bem sem você, mas você, por outro lado, não consegue viver sem ela.

Depois da separação, em princípio, parecia que Ló estava muito melhor que Abraão, mas o tempo mostrou quem fez a melhor escolha.

Sabe, querido, Deus é contigo! Ele vai curar todas as feridas do seu coração!

Hoje, eu quero deixar três conselhos para você vencer, de uma ver por todas, a ingratidão:

1º Não acumule mágoas no seu coração

Libere perdão. Se possível, fale para pessoa que, apesar de tudo, você a perdoa, porque todo o bem que você plantou, no tempo certo, você colherá do Senhor.

Faça o bem, esperando o bem do Senhor! Não crie expectativas no ser humano!

Gálatas 6.9: “E não nos cansemos de fazer o bem, porque a seu tempo ceifaremos, se não desfalecermos.”

2º Erga os olhos para o céu e veja a grandeza do teu Deus

Não pense mais de forma limitada. Deus tem muito mais que este relacionamento.

Olha, eu perdi a conta de quantas vezes Deus já me abençoou! A graça do Senhor é infinitamente maior e mais poderosa do que a ingratidão do ser humano.

3º Saia desta angustia e erga um altar de louvores a Deus.

Tem um louvor do Renascer Praise que diz assim:

Dos Choros que chorei
Das pedras que atiraram em mim
Edifiquei a Ti
Um altar para oferecer louvor...

Toda maldição benção se tornou
E viram o Seu poder...

Deus tem muito mais para sua vida. Quanto aos ingratos, talvez, eles estejam achando que escolheram o melhor lugar, mas, na verdade, optaram por Sodoma e Gomorra – lugares de destruição!

Não viva mais em função deles! Viva de acordo com as promessas que o Senhor tem para a sua vida!

Eles irem mal não faz de você o melhor. Mas, por outro lado, você ficar bem vai te restituir e te colocar no rumo certo.


Pense nisso!

terça-feira, 17 de janeiro de 2017

Fé é atitude!


2 Reis 4.38 a 44: “Voltou Eliseu para Gilgal. Havia fome naquela terra, e, estando os discípulos dos profetas assentados diante dele, disse ao seu moço: Põe a panela grande ao lume e faze um cozinhado para os discípulos dos profetas.

Então, saiu um ao campo a apanhar ervas e achou uma trepadeira silvestre; e, colhendo dela, encheu a sua capa de colocíntidas; voltou e cortou-as em pedaços, pondo-os na panela, visto que não as conheciam.

Depois, deram de comer aos homens. Enquanto comiam do cozinhado, exclamaram: Morte na panela, ó homem de Deus! E não puderam comer. Porém ele disse: Trazei farinha. Ele a deitou na panela e disse: Tira de comer para o povo. E já não havia mal nenhum na panela.

Veio um homem de Baal-Salisa e trouxe ao homem de Deus pães das primícias, vinte pães de cevada, e espigas verdes no seu alforje. Disse Eliseu: Dá ao povo para que coma.

Porém seu servo lhe disse: Como hei de eu pôr isto diante de cem homens? Ele tornou a dizer: Dá-o ao povo, para que coma; porque assim diz o SENHOR: Comerão, e sobejará.

Então, lhos pôs diante; comeram, e ainda sobrou, conforme a palavra do SENHOR.

Qual palavra você tem escutado? Qual é o som que tem dirigido sua vida?

A passagem que acabamos de ler mostra uma situação de crise. O profeta Eliseu, chegando ao acampamento de 100 homens, viu que eles não tinham nada para comer. A situação era de muita miséria.

Então, Eliseu disse: “Coloque a panela no fogo e faça um cozinhado!”.  Em vez de pegar aquilo que eles já tinham – porque achavam que, no futuro, faria falta –, eles saíram procurando e trouxeram qualquer coisa para o profeta.

Sabe, é como algumas pessoas que dizem: “Olha, eu acredito em Deus!”, mas não oram, não têm nem tempo para ler um Salmo por dia, não vão à igreja...

Muitas pessoas têm sido roubadas em seus relacionamentos espirituais, porque não se comprometem com o que acreditam. 

Ao colocar os ingredientes na panela, aqueles homens começaram a gritar: “Morte na panela!”.

Sabe, queridos, desta história, podemos tirar grandes lições.

1ª lição: Quando você entrega qualquer coisa para o Senhor, a morte entra na tua panela, porque o que repreende a morte são os dízimos e as ofertas.

É o que está escrito em Malaquias 3.10 e 11:  “Trazei todos os dízimos à casa do Tesouro, para que haja mantimento na minha casa; e provai-me nisto, diz o SENHOR dos Exércitos, se eu não vos abrir as janelas do céu e não derramar sobre vós bênção sem medida. Por vossa causa, repreenderei o devorador, para que não vos consuma o fruto da terra; a vossa vide no campo não será estéril, diz o SENHOR dos Exércitos.”.

Entregue um tempo do seu dia a Deus, vá à igreja, experimente orar nem que seja cinco minutos por dia! Você vai ver a diferença que isso pode trazer para a sua vida.

Nos seus momentos de oração, ajoelhe-se, desligue-se de tudo a sua volta e abra o seu coração. Como você quer que o Senhor fale com você, se você não O busca?

Experimente ler um Salmo por dia, isso vai iluminar o seu dia, vai te motivar, te edificar e te curar!

Depois que gritaram “Morte na panela!, Eliseu disse: “Trazei farinha”. Depois de recebê-la, ele a colocou na panela.

Sabe, queridos, depois que aquele oferta foi entregue, já não havia nenhum mal naquela panela!

Faça esta experiência, e, na sua casa, vai começar a jorrar as bênçãos de Deus. No lugar das brigas, das loucuras, virá um tempo de paz e harmonia. Em vez de cooperar para a destruição, você fará da sua casa um ambiente de louvor.

2ª lição: Quando andamos embaixo da direção de Deus, vem a multiplicação!

Foi o que aconteceu em 2 Reis. Eles estavam precisando de suprimento. Veio, então, um homem de Baal-Salisa e trouxe ao profeta pães das primícias.

Aqueles pães não eram suficientes para alimentar aqueles cem homens, mas, debaixo de uma palavra profética, sobejaram.

É assim que a gente vive multiplicação nos dias de crise: com jejum, oração, buscando a Deus e confiando em Seus Profetas! 2 Crônicas 20.20: "Credes no Senhor, vosso Deus, e estareis seguros; credes em seus profetas, e prosperareis."

Deus tem um plano para sua vida, e Ele vai começar tirando a morte da tua panela. Mas, para isso, é necessário que você pratique sua fé em Jesus Cristo, colocando sobre a área da sua necessidade o melhor do seu tempo, do seu louvor, o melhor do que você tem. 

Também é necessário que você creia e pratique a Palavra que vem de autoridades espirituais, e o Senhor te prosperará com multiplicação. 

Pense nisso!

segunda-feira, 16 de janeiro de 2017

É tempo de alargar as estacas!


Como é bom poder compartilhar com vocês os ensinamentos que o Senhor tem me dado.

Sabe, a internet nem sempre é utilizada para nos aproximar de Deus. Sendo bem sincera, é mais um instrumento de fofoca, do que de estudos e informações relevantes. Ficamos o dia todo em redes sociais, sabemos tudo sobre todos, mas não conhecemos o único que pode mudar o curso da nossa história, Jesus Cristo!

Por isso eu sempre procuro deixar uma mensagem aqui. Você vai “curtir”, meditar e “compartilhar". Combinado?

Hoje, eu quero te ensinar a vencer as acusações do inimigo!

Sabe de uma coisa? O inimigo é especialista em acusar. Uma das estratégias que ele adota para fazer isso é usar pessoas próximas de você, com comentários, insinuações, só para te prender emocionalmente!

Mas vamos encarar de outra forma! Será que Deus não está permitindo isso para te enriquecer? Para te fortalecer? Para te fazer expandir? Sabe por quê? Foi dessa forma que Ele fez com o povo de Israel. No momento de maior dificuldade, eles alargaram as estacas da tenda, ou seja, aumentaram seu território.

Com esta linha de raciocínio, eu quero te convidar a meditar comigo em Isaías 54.1 e 2: “Cante alegremente, ó estéril, que não deste à luz; exulta com alegre canto e exclama, tu que não tivestes dores de parto; porque mais são os filhos da mulher solitária do que os filhos da casada, diz o Senhor. Alarga o espaço da tua tenda; estenda-se o toldo da tua habitação, e não o impeças; alonga as tuas cordas e firma bem as tuas estacas.”.

O inimigo quer te impedir de avançar, de expandir, de ter desenvolvimento pessoal e de viver a primeira bênção que Deus derramou sobre o homem, após sua criação: crescer e multiplicar.

O inimigo quer justamente que você diminua, quer te colocar, de preferência, em uma cama de depressão, e que você perca tudo, de tal forma, que você tenha a sensação de ter desaprendido a viver.

Em nome de Jesus, você não vai fazer o que ele quer. Você vai fazer o que Deus quer. Comece hoje perguntando: “Qual será a vontade de Deus para a minha vida?”.

Tenha como base as verdades espirituais. Você sabia que, quando nos falta sabedoria para coordenar, realizar, enfrentar, vencer – sejam quais forem as situações, desde as mais simples até as mais complexas –, devemos pedir a Deus, que Eles nos provê?

Para que realmente não nos esqueçamos disso; esse direito de provisão está registrado na Bíblia: Se algum de nós precisar de sabedoria, é só pedir que Ele dará sem pedir nada em troca. Há uma diferença muito grande entre ler, saber o que está escrito na Bíblia e praticar.

A Bíblia é a verdade absoluta. Seja você da religião que for, precisa ter sua vida fundamentada em verdades inabaláveis, que aguentam todo o tipo de situação, sem se alterar. Eu encontrei isso nas Escrituras Sagradas. Interajo com ela. Acusada? Nem pensar! De bem com a vida e ainda grata por ter tantas coisas para fazer. Coisas que dão sentido e valor à minha vida e ainda abençoam e edificam a vida de muitos.

Se você está debaixo do peso esmagador da acusação, busque libertação por meio da oração ou indo a um lugar onde a Palavra esteja sendo pregada pra se sentir melhor, renovado, esclarecido, motivado e fortalecido.

Então, é assim que a gente vive o crescimento e a multiplicação. Isso ocorre quando buscamos, em Deus, sabedoria para entender o propósito de cada uma das coisas que estão acontecendo conosco.

Já parou pra pensar por que usam o timoneiro no navio? Para corrigir a rota, não é verdade? Tenha esse dispositivo dentro de você. Reflita: “Será que é esse o pensamento que eu tenho pensar?” ou “Será que é esse o sentimento que eu tenho que sentir?”.

Então, em nome de Jesus, busque corrigir sua rota. Comece identificando se os seus pensamentos e sentimentos vão te ajudar a ter um dia de vitória. Busque a Deus, não caia no laço do inimigo que quer te paralisar. Busque solução no Senhor, porque Ele vai te revestir de poder e glória.

Procure se concertar, receba o perdão que vem de Deus e deixe que Ele ilumine o teu caminho. Alargue as estacas, tome atitudes que tenham significando para este dia. Seja dirigido pelo Espírito Santo e não por magoas, dores, enfermidades ou crises financeiras.

Pense nisso! É tempo de expandir! É tempo de conquistar! 

sexta-feira, 13 de janeiro de 2017

Deus não habita no meio da incredulidade


2 Timóteo 4: 1 a 5 “Conjuro-te, perante Deus e Cristo Jesus, que há de julgar vivos e mortos, pela sua manifestação e pelo seu reino; prega a palavra insta, quer seja oportuno, quer não, corrige, repreende, exorta com toda a longanimidade e doutrina. 

Pois haverá tempo em que não suportarão a sã doutrina; pelo contrário, cercar-se-ão de mestres segundo as próprias cobiças; como que sentindo coceira nos ouvidos; e se recusarão a dar ouvidos à verdade, entregando-se às fábulas. 

Tu, porém, sê sóbrio em todas as coisas, suporta as aflições, faze o trabalho de um evangelistas, cumpre cabalmente o teu ministério.”.

Existem leis racionais que aparecem para te tornar um incrédulo, principalmente com relação a seus líderes espirituais. São explicações racionalizadas que fazem bem ao seu ego, impedindo que você aceite correção e direções que contrariem seu comodismo. 

2 Crônicas 20.20: "Crede no Senhor, vosso Deus, e estareis seguros; crede nos seus profetas e prosperareis."

Você, baseando-se em um discurso, para de acreditar que jejum pode trazer transformação. Para de ter fé nas armas espirituais, ou vem com aquele papo: “Isso só servia para o Antigo Testamento!”. 

Querido, Deus não habita no meio da incredulidade! 

A partir do momento que você desacredita na efetividade das armas espirituais, você deixa de usá-las. Imagine só se Abraão deixasse de acreditar que quebrar aquelas rochas iria levá-lo a encontrar água e, por fim, cavar um poço em meio a um deserto rochoso?! Pare pra pensar... 40 metros é muito para quem não tinha acesso à tecnologia do ferro.

Eu creio que eles afiavam alguma pedra para poderem rachar as outras. Fico imaginando o trabalho que eles tinham para cavar aquilo. Era um trabalho lento. Cada dia, eles progrediam um pouco, por mais que tivessem muitos homens trabalhando. Vamos supor que, se excepcionalmente, eles conseguissem escavar um metro por dia, eles podiam ter parado no meio do caminho! Imagine o desânimo!

Eu acho que, em alguns momentos, eles pensavam: “Mais um dia que não conseguimos água, será que vale a pena continuar?”. Às vezes, seu raciocínio está assim. “Será que vale a pena todo esse esforço para avançar tão pouco e não enxergar nada daquilo que eu preciso ver?”.

“Será que debaixo dessa pedra, eu vou encontrar água? Ambas não combinam.”. As pedras impedem o avanço das águas, assim como existem tantas coisas que aparecem para te bloquear, para te afastar da igreja e te deixar incrédulo.

Hoje, nós encontramos pessoas que pregam o evangelho de todos os jeitos. O que você quer ouvir? Que você pode mentir, adulterar, se prostituir, que não precisa ser fiel e que não precisa de desafios para crescer? Que é possível ter um relacionamento com Deus sem estar em santidade?

As únicas pessoas que eu conheço que precisavam de desafio eram Jesus, Davi, Paulo, Pedro, Josué… em fim, praticamente todos os servos de Deus da Bíblia. Mas você, não precisa. Você pode viver qualquer outra coisa! Será mesmo?

Cuidado com o “evangelho humanista”, que só prega o que te convém. Será que isso vai te dar paz? O evangelho que você crê te deixa muito incomodado com outros que o praticam de forma diferente e são mais bem-sucedidos?

Você deveria estar cheio de paz e não cheio de ódio. Você devia estar cheio de amor e não cheio de maledicência. Se você fala tanto, é porque é isso que está enchendo o teu coração. Sabe por que isso te incomoda tanto? Porque não é a verdade, e você sabe disso, porque a verdade liberta, ou seja, não atormenta.


Hoje, você vai converter o teu coração a Deus e vai agir segundo o que está escrito na Bíblia! É um caminho certeiro. Mesmo que sejam 200 metros, 200 jejuns, 200 desafios, 200 páginas você vai encontrar água, você vai viver o seu milagre!

Pense nisso e não desista! A nossa fé vence o impossível!

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

Apenas confie!


Atos 21.7 a 15: “Quanto a nós, concluindo a viagem de Tiro, chegamos a Ptolemaida, onde saudamos os irmãos, passando um dia com eles. No dia seguinte, partimos e fomos para Cesaréia; e, entrando na casa de Filipe, o evangelista, que era um dos sete, ficamos com ele. 

Tinha este quatro filhas donzelas, que profetizavam. Demorando-nos ali alguns dias, desceu da Judéia um profeta chamado Ágabo; e, vindo ter conosco, tomando o cinto de Paulo, ligando com ele os próprios pés e mãos, declarou: Isto diz o Espírito Santo: Assim os judeus, em Jerusalém, farão ao dono deste cinto e o entregarão nas mãos dos gentios.

Quando ouvimos estas palavras, tanto nós como os daquele lugar, rogamos a Paulo que não subisse a Jerusalém. Então, ele respondeu: Que fazeis chorando e quebrantando-me o coração? Pois estou pronto não só para ser preso, mas até para morrer em Jerusalém pelo nome do Senhor Jesus. Como, porém, não o persuadimos, conformados, dissemos: Faça-se a vontade do Senhor! Passados aqueles dias, tendo feito os preparativos, subimos para Jerusalém.”

A situação era muito complicada. Se Paulo continuasse livre, certamente, ele seria morto. Em cada cidade que ele visitava, havia um levante do inferno contra a vida dele.

Em uma delas, Paulo expulsou o espírito de adivinhação de uma moça, causando muita indignação, porque muitos homens lucravam com aquela malignidade.

Ali, Paulo foi exposto em praça pública, chicoteado e preso no fundo de um cárcere, sem direito a um julgamento.

Aqueles homens que fizeram essa crueldade eram amantes do dinheiro. Os amantes do dinheiro detestam que os outros sejam livres. Para eles, só existe vida debaixo da escravidão.

Eles enxergam o dinheiro em tudo. Não importa se a pessoa está atormentada, endemoninhada, aflita, em prostituição, em corrupção...

Pessoas assim se levantam encima de um poder para castigar os que pregam o evangelho, para castigar aqueles que levam a liberdade que está em Jesus Cristo. Foi isso o que fizeram com Paulo.

Em outra cidade que ele visitou, o adultério e a prostituição imperavam. Ele denunciou aquelas malignidades. Sabe o que aconteceu? Paulo foi apedrejado com tanta força, que foi dado como morto.

Voltando para Atos 21...

Qual era o plano de Deus? Dar a Paulo uma segurança. Como? Uma prisão domiciliar. Um local onde ele pudesse escrever suas cartas e fosse preservado.

E como isso foi revelado? Um profeta do Senhor desceu até Paulo, pegou o seu cinto, ligando com ele os próprios pés e mãos, e disse: “Você será preso!”.

Aquela notícia causou comoção geral: “Paulo, não vá!”. Mas Paulo afirmou: “Foi isso o que Deus falou que aconteceria comigo. Eu estou pronto!”.

Paulo sabia que aquela situação era a melhor para aquele momento! Ele decidiu cumprir o plano de Deus e confiar em Seus propósitos.

Sabe, às vezes, você fica reclamando muito e não está percebendo que Deus está te livrando de situações piores. Você não percebe que Deus está te protegendo e te guardando.

Em vez de se afastar de Deus, una-se a Ele. Desta forma, você vai conseguir entender os propósitos do Senhor para a sua vida! Desta forma, você ficará seguro!

Murmuração traz a destruição, mas ser um adorador traz a glória de Deus! 

Muitas vezes, o tempo difícil que estamos passando está nos livrando de males bem maiores. 

Faça como Paulo: Esteja pronto para os planos do Senhor. Ele tem o melhor para nossas vidas! Confie!


Pense nisso!

quarta-feira, 11 de janeiro de 2017

Quando estamos cansados e sobrecarregados...


Mateus 11.28: “Vinde a mim, todos os que estais cansados e sobrecarregados, e eu vos aliviarei.”

Na Bíblia Apostólica, há um comentário que eu gostaria de compartilhar com vocês:

O pecado e o diabo fazem com que os homens carreguem pesados fardos, que os impedem de avançar e os fazem sentir-se cansados e oprimidos.

Jesus substitui a dor e a opressão por sua paz e alegria (Jó 5.19). Ele destrói as obras do diabo (1 João 3.8) e nos faz andar em ressurreição e em novidade de vida (Romanos 8: 9), quebrando toda a esterilidade (1 Samuel 2).

Sobre os ombros de Jesus, está o governo e o poder (Isaías 9.6), e Ele removeu o peso e o fardo malignos que estavam sobre nós, os substituindo pela Sua paz e poder.

Sabe, todo mundo quer andar com o mais bonito, com o mais rico, com o mais famoso, com o mais alegre, com o mais divertido. Mas Jesus chamou aqueles que estão cansados, sobrecarregados, aqueles que não aguentam mais...

Quem sabe hoje, enquanto você está trabalhando a duras penas, tem alguém na sua casa dormindo, sugando todas as suas forças?

Quem sabe hoje você saiu de casa chorando, deixando seus filhos para trás, para poder batalhar pelo pão de cada dia?

Quem sabe hoje você está desempregado?

Quem sabe hoje você está cansado de tanta decepção?

Venha até Jesus. É você quem Ele está chamando!

Às vezes, a gente acha que só porque estamos cansados, sobrecarregados, o Senhor se esqueceu de nós.

Nesta passagem, o Senhor está dizendo: “Eu me lembrei de você! Venha até Mim, fale comigo! Coloque tudo isso diante de Mim, porque Eu vou te aliviar!”.

Você não vai mais ficar sem paz, sem forças. Talvez, você não possa mudar esta situação, esta pessoa que tem te prejudicado. Mas você pode mudar a si mesmo. Você pode ficar melhor, melhor ainda com Jesus!

Deus pode te dar mais forças, Deus pode te dar mais graça, Deus pode te dar mais fé, Deus pode te dar autoridade para você vencer essa situação!


Pense nisso!